Ads Top

Secult-PB abre e-mail para receber sugestões e dúvidas sobre LPG

 


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult-PB), manterá um canal para receber sugestões e ideias, e oferecer um serviço tira-dúvidas sobre a Lei Paulo Gustavo. Nessa quarta-feira (17), a equipe da Secretaria concluiu a primeira etapa dos ‘Diálogos Culturais’, reuniões via internet, transmitidas pelo seu canal no YouTube, para debater com os gestores municipais de cultura e todas as linguagens artísticas o conteúdo da próxima legislação para aportes emergenciais à Cultura no país.

Com base no que foi ouvido durante as primeiras transmissões dos Diálogos Culturais, os gerentes de área da Secretaria estarão respondendo questões formuladas pela comunidade cultural sobre a LPG, dessa vez numa série de vídeos. Os vídeos, em forma de entrevista, oferecerão comentários e informes sobre cada passo que for dado no âmbito federal e estadual no que diz respeito ao andamento da LPG, que ainda aguarda a regulamentação por parte do Governo Federal.

Coleta de sugestões e tira dúvidas – Nessas entrevistas gravadas, a equipe da Secult também vai responder blocos de perguntas e debater sugestões que forem enviadas para o e-mail lpgpbduvidasepropostas@gmail.com, criado para receber essas demandas.

Com vídeos didáticos, segundo o secretário de Estado da Cultura, Damião Ramos Cavalcanti, a ideia é manter um canal contínuo de troca de informações entre o gestor estadual e o setor cultural. “Peço aos trabalhadores e trabalhadoras da Cultura que participem enviando suas considerações e ideias. Isso nos ajudará bastante no momento da elaboração dos editais da LPG”, convidou o secretário.

Primeira etapa – A última transmissão ao vivo dos Diálogos Culturais ocorreu na manhã dessa quarta-feira (17), com o grupo ‘Juventude, pessoas com deficiência, mulheres, LGBTQIAPN+’, completando dez reuniões via YouTube, iniciadas no dia 9, e totalizando 14 horas e 56 minutos de transmissão.

Até as 23h dessa quarta, os dez vídeos à disposição no canal da SecultPB haviam sido vistos por 1.893 pessoas.

Os recursos – A LPG (Lei Complementar 195, de 2022) vai distribuir R$ 3,86 bilhões com o setor cultural em todo o país, sendo a maior parte para a área de audiovisual. Desse montante, à Paraíba está reservada uma fatia de R$ 88.301.126,03, sendo R$ 48.510.656,73 sob a responsabilidade do Governo do Estado, via Secult, e R$ 39.790.469,30, sob a coordenação das gestões municipais.

Foto: Reprodução Google.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.