Ads Top

Justiça decreta prisão de pastor acusado de aplicar R$ 3 milhões em golpes, em João Pessoa



A Justiça decretou a prisão do pastor Péricles Cardoso, acusado de aplicar golpes que teriam resultado em um prejuízo de R$ 3 milhões aos fiéis. O religioso atuava em uma igreja do bairro de Mangabeira. Ele agora é considerado foragido da Justiça, como verificou o ClickPB.


A decisão de decretar a prisão foi do Isaac Torres Trigueiro de Brito. Além de estelionato, o pastor também é investigado pelo crime de apropriação indébita. 


As investigações apontam que o pastor fez pelo menos 35 vítimas. Ele pedia dinheiro emprestado aos fiéis, alegando que era para obras na igreja, mas não devolvia e desviava da igreja.


O inquérito policial aponta também que o acusado desviou dinheiro do dízimo.


CanalPB com ClickPB


Foto: Reprodução Google. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.