Ads Top

Cabedelo promove Dia D de multivacinação e ações contra a Dengue neste sábado (24)



A Prefeitura Municipal de Cabedelo, por meio da Secretaria de Saúde (SES), promove, no sábado (24), o Dia D de combate à Dengue.


Na ocasião, ocorrerão aplicação de vacinas para o público alvo (crianças de 10 a 14 anos) e ações educativas, com distribuição de folhetos e materiais informativos sobre as formas de combate ao mosquito.


As ações acontecem de forma simultânea, das 8h às 12h, na região central da cidade, em frente à Secretaria de Educação, e na USF Intermares, além de outras 18 Unidades espalhadas por toda a cidade.


Agentes da Vigilância estarão distribuindo folhetos educativos sobre as formas de combate ao mosquito e informando a população. Já a Seinfra estará com seus agentes de limpeza distribuindo sacos para lixo, orientando acerca da forma correta de  descarte e coleta, além de distribuir mudas de plantas.


As ações educativas foram programadas para esses locais baseado no que apontou o LIRAa (Levantamento Rápido de Índices para o Aedes aegypti), que é uma metodologia que permite o conhecimento de forma rápida, por amostragem, da quantidade de imóveis com a presença de recipientes com larvas de Aedes aegypti, mosquito transmissor da Dengue, Chikungunya, Febre pelo vírus Zika e Febre Amarela. Os bairros com maior índice de infestação foram Intermares e Renascer II.


Para o bairro do Renascer, estão sendo programadas ações pontuais de bloqueio para o mosquito, como aplicação de inseticida em pontos estratégicos e nas residências com foco de mosquito e casos confirmados, para impedir a proliferação desse agente transmissor para outros lugares.


            Multivacinação – Também no sábado (24), a SES promove mais um Dia D de Multivacinação. Serão disponibilizados dezoito pontos de vacinação, abertos das 08h às 12h, para atender a população.


O principal objetivo desta ação é tornar acessível os imunizantes para a população que não consegue ir às unidades de saúde em dias úteis para receber as vacinas e, dessa forma, melhorar a cobertura vacinal no município.


A mobilização será voltada para todas as idades, com a disponibilização de todas as vacinas do Programa Nacional de Imunização (PNI), além da oferta do imunizante  contra a Dengue para o público, com idade entre 10 e 14 anos.


Para ter acesso, o cidadão deverá comparecer a uma dessas unidades com a sua caderneta de vacina: Centro, João Roberto, Camalaú, Siqueira Campos, Monte castelo, Palmeira, Jardim Manguinhos, Jardim Atlântico, Camboinha, Poço, Recanto do Poço, Portal do Poço, Oceania, Intermares, Jardins, Renascer 2, Renascer 3.1, Salinas do Ribamar.


Ações preventivas de combate ao Aedes Aegypti – O combate ao mosquito Aedes aegypti é um dever de todos. Pensando nisso, a Secretaria de Saúde de Cabedelo, por meio da Vigilância em Saúde, realizou nesta terça-feira (20), uma reunião com as secretarias de Educação, Infraestrutura e Meio Ambiente para estabelecer uma parceria e alinhar um plano de ações de combate ao mosquito Aedes aegypti.


A Secretaria de Saúde, por meio da Atenção Básica, Lacen, Vigilância Epidemiológica do município e a equipe da Vigilância Epidemiológica que atua no Hospital Padre Alfredo Barbosa estarão atentos para a notificação dos casos suspeitos de arboviroses (dengue, zika e chikungunya).


A Atenção Básica e a Coordenação de imunização seguirão, juntas, vacinando as crianças e adolescentes, de 10 a 14 anos, contra a dengue. Além disso, cada USF contará com um Agente Comunitário de Saúde sentinela, que estará recebendo da população e de outros ACSs informações de casos de arboviroses e focos de mosquito. Essas informações serão repassadas para a  Vigilância Ambiental, a fim de que seja feita uma ação de combate na área de residência do indivíduo com maior celeridade.


Já na Secretaria de Educação será desenvolvido o projeto “Saúde Permanente”, onde os Agentes de Combate à Endemias farão palestras educativas, de acordo com cronograma ajustado com as escolas.


Por fim, a Secretaria de Infraestrutura seguirá com suas equipes realizando a coleta de lixo nos dias da semana programados, conforme calendário divulgado pela secretaria.


“As ações para combater a dengue, a Zika e a Chikungunya não devem ser isoladas, mas realizadas pelas Secretarias, junto com a sociedade, assim podemos combater o mosquito transmissor dessas doenças. É importante salientar a parceria efetiva da comunidade, por isso chamamos toda a população para a realização das ações de combate ao Aedes aegypti.”, destacou Marta Ch. Camilo, Gerente Executiva da Vigilância em Saúde.


Foto: Reprodução Google. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.