Ads Top

Prefeitura inicia qualificação de assistentes sociais e enfermeiros para lidar com doenças raras

 


Profissionais especializados da Rede Municipal de Saúde e Educação passarão por uma qualificação para lidar com casos de doenças de pouca recorrência. O projeto se inicia nesta quinta-feira (19), com a capacitação de assistentes sociais e enfermeiros, que acontece durante todo o dia no Centro de Referência Multidisciplinar em Doenças Raras, nos Bancários.

No início da manhã o prefeito Cícero Lucena esteve no local para um café com o grupo. Ele destacou a dedicação do Município para a conclusão de todo o complexo de atenção às doenças raras. “Deus está nos permitindo fazer o que é importante para a cidade, com serviços humanizados. Este Centro é a primeira etapa deste complexo que ainda vai ser ampliado para que as pessoas com dessas doenças e seus familiares tenham mais tranquilidade e qualidade de vida”, afirmou.

A capacitação acontece ao longo de um dia e vai ser realizada quinzenalmente, sempre focando em dois grupos distintos de profissionais. As aulas focam desde a linha de cuidado até aquelas doenças raras com maior recorrência no Estado.

A secretária executiva da Saúde no Município, Janine Lucena, afirmou que a iniciativa pensa nos colaboradores e no usuário final. “Acreditamos que o colaborador tem papel fundamental no resultado final e a valorização deste grupo é essencial no processo. Vamos sempre investir em ações como esta para garantir a melhor prestação de serviço ao usuário”, afirmou.

A coordenadora do Centro de Referência, Saionara Araújo, explicou que o tema doenças raras não é muito discutido mesmo em cursos universitários da área de Saúde. “Então estes profissionais não foram preparados e isso demanda uma ação de nossa parte. No dia 3 de junho ainda vamos iniciar o primeiro curso de especialização em doenças raras do mundo, que vai agir no mesmo sentido”, destacou.

Foto: Sérgio Lucena.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.