Ads Top

Pesquisa do Procon-JP registra preço do gás de cozinha oscilando entre R$ 89 e R$ 120



Pesquisa realizada pela Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor para preço do botijão de 13 quilos do gás de cozinha encontrou o produto oscilando entre R$ 89,99 (Posto Setta – Ilha do Bispo) e R$ 120,00 (Kiko Gás – Alto do Mateus), variação de 33,3% e média de R$ 109,54. O levantamento, que também traz preços para quem pretende adquirir o vasilhame do botijão de gás cheio, foi realizado nesta quarta-feira (3) em 37 estabelecimentos de 21 bairros de João Pessoa.


A maioria dos revendedores visitados ainda não repassou o aumento previsto de 11,9% anunciado esta semana. A alta no preço do produto ocorre devido à unificação da cobrança do Imposto de Circulação Sobre Mercadorias (ICMS), estabelecida pela Lei Complementar 192 de março de 2022, mas que só entrou em vigor no dia 1º de maio. Com a unificação, cada Estado deve adequar a incidência do imposto sobre o valor do gás.


Para pagamento no cartão, os preços estão oscilando entre R$ 99,99 (Posto Setta – Ilha do Bispo) e R$ 130,00 (Kiko Gás – Alto do Mateus), com média de R$ 114,11, variação de 30% e diferença de R$ 30,01.


O segundo menor preço do levantamento do Procon-JP para pagamento à vista está sendo praticado a R$ 99,95 (JDS Gás – Colinas do Sul), seguido do valor de R$ 104,00 (SOS Gás – Torre).


Vasilhame cheio – A pesquisa do Procon-JP também traz preços par



a quem pretende adquirir mais um vasilhame do produto. O preço do botijão cheio está oscilando entre R$ 280,00 (Depósito D’Almir – Bairro dos Estados) e R$ 330,00 (JDS Gás – Colinas do Sul). A diferença está em R$ 50,00, a variação em 17,9% e a média em R$ 304,45. Seis estabelecimentos estão comercializando a R$ 300,00 e um (André Gás – Torre) a R$ 310,00.


Foto: Reprodução Google. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.