Ads Top

Obras de viaduto na BR-230 terão bloqueio com barreira de concreto após o semáforo da Empasa, no bairro do Cristo



Um bloqueio com barreira de concreto será feito após o semáforo da Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa), no bairro do Cristo, devido as obras do viaduto que está sendo construído na BR-230, no bairro de Àgua Fria. A informação foi divulgada na tarde desta segunda-feira (18), após uma reunião entre representantes do  Ministério Público Federal (MPF), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP). 


Conforme vem acompanhando o ClickPB, as obras começaram no mês de maio e a previsão é que sejam concluídas até o mês de junho do próximo ano. Desde o início da construção, motoristas enfrentam constantes engarrafamentos no local, devido os bloqueios realizados nos trechos da BR-230. O novo viaduto vai custar R$ 24,4 milhões e tem o objetivo de resolver um dos principais problemas de mobilidade urbana de João Pessoa, ligando os bairros do Cristo e Água Fria.


Como apurado pelo ClickPB, nesta segunda-feira (18) ficou definido que será feito um bloqueio por barreira de concreto do acesso logo após o semáforo da Empasa. No decorrer da semana, será analisada pelo MPF a necessidade de se manter o semáforo no local. Já a PRF vai dar continuidade às fiscalizações, com o encaminhamento semanal de imagens aéreas do fluxo do trânsito para o MPF e a Semob-JP.


Na reunião foi informado pelos órgãos que a causa dos congestionamentos é temporária e que, assim que for liberada a via de acesso local à BR-230, os veículos advindos da Avenida Hilton Souto Maior, que transitam no sentido João Pessoa/Bayeux, não mais necessitarão entrar no bairro do Cristo, melhorando o trânsito local.


De acordo com o MPF, os órgãos entenderam necessário readequar estratégias de fluxos e reforçar fiscalização para diminuir congestionamentos e acidentes, também perto da sede dos Correios, onde ocorre obra complementar da execução do viaduto.


O MPF informou ainda que vai acompanhar o cronograma do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e Departamento de Estradas de Rodagem do Estado da Paraíba (DER), e que vai encaminhar imagens para o Ministério Público do Trabalho (MPT), para averiguar eventuais descumprimentos de normas trabalhistas na obra de drenagem que vem sendo realizada nas proximidades dos Correios, em Água Fria.


Na última sexta-feira (15), o Setor de Engenharia do MPF fez nova perícia no local, para confecção de informação técnica. No dia 21 de julho, o MPF expediu recomendação para o DER e para a Polícia Rodoviária Federal com indicação de ações para melhorar o trânsito. Na época, além de transtornos decorrentes de obras de engenharia, foram detectados problemas de sinalização que dificultavam o ir e vir dos cidadãos e a execução de serviços essenciais, e ainda prejudicava a segurança viária, colocando a população em risco.


CanalPB com ClickPB


Foto: Reprodução Google. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.