Ads Top

Paraíba se prepara para ser o destino preferido com construção do Polo Cabo Branco e deve receber 2 milhões de turistas por ano



A Paraíba está se preparando para ser o destino turístico mais procurado do Brasil nos próximos anos. E isso será possível com uma obra que abrangerá não apenas a região metropolitana de João Pessoa, mas todo o estado. Em entrevista ao ClickPB, nesta quinta-feira (14), o diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento da Paraíba (Cinep), Rômulo Polari, fez uma previsão animadora. Segundo ele, o fluxo de turistas deve aumentar em até dois milhões, por ano, após a conclusão do Polo Turístico Cabo Branco.


O governador João Azevêdo anunciou ontem (13), em João Pessoa, a construção de mais um empreendimento do complexo turístico, o Holanda’s Gold Resort Club. O novo equipamento irá investir inicialmente R$ 200 milhões na economia local e gerar mais de 400 vagas de empregos, incrementando o turismo no estado.


E essa é apenas uma parte do empreendimento. "São cinco resorts mais um parque aquático. O investimento total é de R$ 1,7 bilhão. Serão 9,5 mil novos leitos. Só na grande João Pessoa temos 12 mil leitos entre hotéis, motéis e pousadas. Tudo isso vai trazer para a Paraíba um turista que nós ainda não temos. O fluxo de turistas em 2022 foi de 1,2 milhão. Esse número deve aumentar entre 1,2 milhão e 2 milhões", explicou Rômulo Polari.


A movimentação de turistas no estado traz também mais circulação de dinheiro, que conforme a previsão do diretor-presidente da Cinep deve triplicar. "O ticket do turista que vem à Paraíba, atualmente, é de R$ 130 a R$ 140 por dia. Com o Polo Turístico esse valor passará para R$ 450 que serão gastos em bares, restaurantes e nos estabelecimentos paraibanos", pontuou durante a entrevista ao ClickPB.


Turismo para toda a Paraíba


Na conversa com o ClickPB, Rômulo Polari ressaltou que toda essa movimentação e esse impacto positivo economicamente se expandirá para todas as regiões do estado. Isso é garantido porque dentro do Polo Turístico Cabo Branco existe também o projeto de expansão da circulação do turista que será levado a conhecer outras cidades e suas manifestações culturais.


"A Paraíba tem, hoje, 12 regiões turísticas. Somente a região do Brejo, por exemplo, tem 20 cidades e o Polo Turístico vai acolher todas essas regiões, porque vamos levar os turistas para conhecer essas cidades. Dentro do Polo terá um projeto para isso. O turista vai conhecer as quadrilhas juninas de Campina Grande, o Vale dos Dinossauros, em Sousa. Vamos captar o turista para ter essas experiências.


Detalhes do Polo Turístico


O Polo Turístico Cabo Branco é o projeto do Governo da Paraíba que destina 21 lotes para o desenvolvimento do maior complexo turístico planejado do Nordeste, que reunirá resorts, parque aquático, equipamentos de animação e estabelecimentos de comércio e serviços.


O projeto está inserido em uma área de 654 hectares, em uma região privilegiada de João Pessoa e próximo a diversos pontos turísticos.


Atualmente o Governo do Estado está construindo o Boulevard dos Ipês – a grande e principal avenida do Polo Turístico Cabo Branco, que ligará o Centro de Convenções até próximo ao mar. Inspirada no movimento armorial liderado pelo escritor paraibano Ariano Suassuna, será um dos maiores produtos turísticos do Nordeste. 


O Boulevard será cercado por mais de 200 ipês coloridos e outras plantas nativas ao longo dos 700 m de extensão por 33 m de largura. Em cerca de 20 mil m² de área construída, a via reunirá elementos culturais, tecnológicos e sustentáveis, além de projetos de urbanização, mobilidade urbana, paisagismo, escola de gastronomia, hotelaria e idiomas, museu, anfiteatro, playground, mirante, jardim sensorial, área de apoio ao ciclista, bicicletas e patinetes elétricos públicos e Vila dos Pescadores.


CanalPB com ClickPB


Foto: Reprodução Google. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.