Ads Top

Filha de professor executado na porta de escola tentou proteger o pai no momento do crime, em João Pessoa



A filha do professor executada na porta de uma escola, no bairro José Américo, em João Pessoa, nesta terça-feira (12), tentou proteger o pai no momento do crime. Como verificou o ClickPB, o suspeito teria seguido pai e filha durante o percurso dos dois e, ao chegar em frente a unidade de ensino matou o professor Luecir Brito, de 49 anos.


Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o momento do crime. O ClickPB não publicará as imagens que são extremamente fortes.


No vídeo percebe-se nitidamente o momento em que o homem, aparentemente já idoso, segue caminhando atrás do o professor, que ia de mãos dadas com a filha. O suspeito então toca nas costas da vítima e começa a atirar.


A filha do professor, no momento em que os tiros são disparados, entra em desespero e tenta se colocar na frente do pai. O suspeito, no entanto, mesmo após o professor já está no chão, continua atirando e depois sai correndo.


Suspeito está preso


O suspeito acabou sendo preso minutos depois de cometer o homicídio. Um policial à paisana passava pelo local quando reagiu e conseguiu prendê-lo. Ele foi levado para Central de Polícia Civil de João Pessoa, onde deve ser interrogado para esclarecer a motivação do crime. Uma equipe de peritos do Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) foi acionada para cena do crime. O corpo foi foi levado para sede da instituição.


CanalPB com ClickPB


Foto: Reprodução Google. 

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.